Horta urbana: cinco vegetais para plantar com pouco espaço

Dicas de plantio, irrigação e colheita para ter um pomar saudável e produtivo

tomate-tomatinho (Foto: Rob Bertholf/Wikimedia Commons)Tomatinho é ótimo para incrementar saladas e massas (Foto: Rob Bertholf/Wikimedia Commons)

Colher alimentos frescos para usar diretamente nas receitas é muito bom. E para isso, não é preciso ir à feira todos os dias. É possível montar uma horta caseira na qual você cultiva seus vegetais preferidos. A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), listou cinco hortaliças ideais para plantar em espaços pequenos e médios. Confira:

Alface 
Há variedades de inverno, que preferem temperaturas amenas e frias, e as de verão, que crescem bem mesmo com o clima mais quente. As mudas podem ser plantadas em vasos, desde que o local seja bem iluminado.

alface-folha (Foto: Max Pixel/Creative Commons)Alface  (Foto: Max Pixel/Creative Commons)
Além disso, é preciso ser irrigada com frequência (mas sem encharcar), pois o solo precisa ficar úmido – e possuir alto teor de matéria orgânica. A colheita da alface pode ser feita entre 55 e 130 dias depois da semeadura.

Cenoura

O vegetal cresce melhor em temperaturas amenas, mas existem cultivares no mercado que se adaptam a condições mais quentes. Ainda assim, é indicado plantá-lo entre o outono e o inverno. As sementes devem ser colocadas diretamente na terra, com profundidade de 0,5 cm a 1 cm, pois a cenoura não suporta transplante. As variedades que têm raízes arredondadas devem ser semeadas em vasos, mas a profundidade dos mesmos deve comportar o tamanho da raiz!

cenoura (Foto: Max Pixel/Creative Commons)Cenoura (Foto: Max Pixel/Creative Commons)

O local precisa ter boa luminosidade, mesmo a cenoura aguentando meia sombra. A irrigação deve ser feita quando necessária para que o solo fique úmido – cuidado, pois o excesso de água apodrece as raízes. A colheita ocorre entre 60 e 120 dias após a germinação. Caso apareça plantas invasoras, é preciso removê-las.

Couve

A planta cresce melhor no outono ou inverno, por causa do clima mais frio. O calor pode prejudicar a qualidade das folhas, diminuindo o crescimento, aparência e sabor. O plantio por sementes deve ser feito diretamente na horta (com aproximadamente 1 cm de profundidade) ou em sementeiras, transplantadas quando estiverem com 10 cm de altura e irrigando logo em seguida. É possível também cultivá-la por brotos laterais retirados de plantas adultas.

O local da planta deve ter alta luminosidade, com sol direto. O solo precisa ser mantido úmido, mas sem encharcar. Para manter a couve com altura e tamanho adequados, corte a ponta do caule principal. Isso facilita o manuseio e a colheita, além de favorecer o desenvolvimento de brotos laterais. A couve pode ser colhida de 70 a 112 dias após o plantio. Entenda mais como cultivar couve.

Rúcula

A hortaliça cresce melhor em clima ameno, com temperaturas em torno de 16°C a 22°C. Por isso, recomenda-se o plantio em março e julho. O recomendado é plantar as sementes diretamente no local definitivo, superficialmente com até 0,5 cm no solo. Também é possível plantar rúcula em sementeiras, com as mudas sendo transplantadas quando atingirem 5 cm de altura, mas cuidado para não danificar as raízes!

Durante o outono e inverno a hortaliça pode ser cultivada com sol direto o dia todo, mas no verão é melhor que tenha sombra parcial, principalmente durante as horas mais quentes. Irrigue com frequência para que o solo fique sempre úmido, mas sem afogar a planta. A partir de 20 a 65 dias da semeadura já é possível fazer a colheita. Se aparecer plantas invasoras, retire-as.

Tomate Cereja

O tomateiro produz melhor com temperaturas diurnas entre 20°C e 26°C, com uma variação de temperatura entre o dia e a noite. As sementes podem ser plantadas diretamente no local definitivo ou em sementeiras, com cerca de 10 cm de altura e 7 cm de diâmetro. O plantio das mudas é realizado quando elas atingem de 15 cm a 25 cm de altura. Os tomateiros se adaptam em vasos, jardineiras e cestas, a variedade deve ser do tamanho do recipiente – estes precisam ser escorados para assegurar seu desenvolvimento. Podem ser usadas varas de bambu ou de madeira, tomando-se o cuidado ao amarrar os suportes em cada planta.

tomate-cereja-tomatinho (Foto: Max Pixel/Creative Commons)Tomate cereja (Foto: Max Pixel/Creative Commons)

O fruto produz melhor quando recebe bola luminosidade, com sol direto por algumas horas no dia. Irrigue com frequência para manter o solo úmido. O tomate não precisa estar maduro para a colheita que, em geral, inicia-se de 90 a 100 dias após o transplante.

Fonte: Globo Rural

Anúncios

Empresa de sementes lança novas variedades híbridas durante a 23º Hortitec

Junto à feira, a empresa promove o Open Field Day, que completa 10 anos e oferece aos visitantes a oportunidade de conhecer os resultados dos produtos no campo.

unnamed (7)

A Agristar, líder no mercado nacional de sementes de alta tecnologia para hortaliças e frutas, lança novas variedades de sementes híbridas durante a 23º Hortitec, uma das mais importantes feiras de horticultura da América Latina, entre os dias 22 e 24 de junho, na cidade de Holambra (SP).

No evento, a empresa leva aos visitantes as novidades de suas linhas profissionais de sementes. A Topseed Premium apresenta o tomate Santa Cruz Santyno, o pepino quadrado Kolima e o feijão de vagem Versalhes, além de expor os resultados dos tomates Itaipava e Tyson, que foram lançados em 2015.

Já a Superseed lança a rúcula de folha larga Mirella e apresenta os resultados de campo da cenoura de verão Érica F1 e da cebola híbrida Celebra.

“Todo o ano a Agristar prepara seus principais lançamentos para serem apresentados ao mercado na Hortitec e no nosso Open Field Day. Este ano estamos bastante empolgados, pois além de estarmos comemorando 10 anos do nosso dia de campo aqui em SP, estamos com excelentes produtos para serem lançados. Nestes 10 anos nossos clientes e parceiros se acostumaram a vir em nosso estande e campo para ver produtos que se tornam campeões de vendas e produtividade.”, afirma o Gerente de Marketing da Agristar do Brasil, Marcos Vieira.

Conheça os destaques da Agristar na Hortitec:

Tomate Santa Cruz Híbrido Santyno

Produto inovador para o segmento de tomate Santa Cruz, é o primeiro híbrido a ser introduzido no mercado com um pacote completo de resistências, proporcionando ao agricultor total proteção às principais pragas e doenças da cultura. “Seu grande diferencial são as resistências às viroses como  TYLCV e TSWV e ainda a proteção contra o Fusarium raça 3, nova raça que já causa danos em algumas regiões do país. Além disso, o tomate Santyno, é um dos híbridos com um dos maiores potenciais produtivos do mercado, por possuir um pegamento de fruto entre 5 a 6 frutos na penca e com frutos grandes de alta qualidade, coloração, brilho e sabor. Temos certeza que muitos clientes irão retomar o plantio deste segmento com este produto pelo pacote atributos e benefícios que o tomate Santyno oferece ao agricultor e também ao consumidor final”, explica o Especialista em Tomates e Pimentões, Thiago Teodoro.

Pimentão Quadrado Híbrido Kolima

O pimentão Kolima é um híbrido extremamente adaptado para as condições de manejo das regiões produtoras. Por possuir uma planta forte e bem compacta, dispensa a utilização de estacas, tem ótima cobertura foliar, fator importante para o mercado do Nordeste onde se tem maiores períodos de luz, assim os frutos ficam mais protegidos contra queima de sol. Para Thiago Teodoro, o material proporciona mais segurança ao agricultor por possuir um bom pacote de resistências, principalmente viroses que afetam a cultura, com destaque para o período chuvoso, onde a resistência a Xanthomonas faz com que ele se sobressaia ao lado dos principais concorrentes. “O grande diferencial ao agricultor será a  maior produtividade por área, pois seus frutos são grandes e com paredes bem grossas, proporcionando um fruto mais pesado e trazendo segurança do fruto no seu transporte, seu pegamento se mantém estável durante todo o ciclo, principalmente no ponteiro, onde geralmente é o lucro do produtor”, explica.

imagem_release_658307

Feijão de Vagem Versalhes

Lançamento na linha Topseed Premium, trata-se de um produto único no mercado pelo fato de suas vagens serem de coloração verde escuro, segmento este que a Agristar está sendo pioneira. Possui hábito de crescimento indeterminado, sendo necessário tutoramento para sua condução. Produto que possui boa tolerância a antracnose, ferrugem e oídio conferindo mais tranquilidade ao produtor. Possui também ótima longevidade de colheita iniciando aproximadamente 75 dias após o semeio. “Suas vagens, além da coloração verde intenso, possuem ótimo aspecto. São lisas, brilhantes, retilíneas, com pouca fibra e de sabor extremamente agradável. Sua comercialização pode ser feita em bandejas plásticas agregando mais valor ainda para o produtor rural”, explica Ricardo Ziani, Especialista em Cinturão Verde.

Rúcula Mirella

Lançamento para a linha Superseed, a Rúcula Mirella vem suprir uma demanda crescente do mercado hidropônico e convencional por materiais que tenham boa performance em ambos os casos, explica Ziani. “Possui folhas largas de excelente coloração que proporcionam ao produtor um ótimo rendimento por área, gerando mais lucro. É um material que possui ciclo de 30 dias em cultivo hidropônico e aproximadamente 42 dias em cultivo tradicional, boa tolerância a doenças foliares como míldio e um ótimo aspecto visual”, afirma.

imagem_release_658309

Os estandes das linhas Toopseed Premium e Superssed estarão no Setor Azul, número 24.

Open Field Day

Os resultados desses lançamentos e de outros produtos poderão ser conferidos no campo experimental da Agristar, durante o tradicional Open Field Day (Dia de Campo), que completa 10 anos em 2016. O evento é promovido nos mesmos dias da feira, entre 22 e 24 de junho, das 7h às 16h. O campo experimental fica em Santo Antônio de Posse (SP), localizado a 8 km da Hortitec (Rod. SP 340, Km 147.2, sentido Mogi Mirim – Campinas). A empresa disponibilizará vans para o transporte dos participantes, com início às 8h30 e saídas a cada meia hora. O embarque e desembarque será no estacionamento da Hortitec, próximo ao pavilhão.

Sobre a Agristar

Fundada em 1958, a Agristar é uma das maiores empresas do país na produção e comercialização de sementes de hortaliças, flores e frutas. Atua em diversos segmentos através de 5 linhas de produtos: Topseed Premium, Topseed, Topseed Garden, Superseed e Solaris. Está sediada em Santo Antônio de Posse (SP) e possui seis unidades com destaque para as 5 estações experimentais localizadas nos estados de SP, MG, GO, SC e RN.