Codevasf apresenta alternativas para a produção à agricultores de Limoeiro de Anadia

Na última segunda-feira (27), a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (CODEVASF) realizou, em Limoeiro de Anadia, uma reunião onde foram discutidas as alternativas de produção voltadas aos agricultores do município, que estão recebendo kits de irrigação através da Companhia.

Durante a reunião, realizada na Associação dos Agricultores de Limoeiro de Anadia (ASPROLIMO), o consultor nacional da Codevasf, Luiz Curado, apresentou um projeto voltado para a plantação de Açaí consorciado com inhame, como também outras alternativas tais como: maracujá,  limão e outras.

Na oportunidade, o presidente da Associação, Alvânio, ressaltou a importância do encontro.

“Esse momento representa um grande divisor de águas para os agricultores limoeirenses, que estão sendo beneficiados com os kits de irrigação através da Codevasf”, frisou o presidente da Associação, que ainfa elogiou o apoio dado pela superintendência do órgão.

“Agradecemos muito ao superintendente Marlan Ferreira por essa grande é fundamental iniciativa, que proporcionará uma grande mudança não só no desenvolvimento do nosso município, mas em sua independência socioeconômica”, finalizou.

A convite da CODEVASF, participaram também do encontro o presidente da Associação das Indústrias de Processamento de Frutos Tropicais, Etélio Prado.

Estiveram presentes cerca de 200 agricultores familiares, além do prefeito de Limoeiro de Anadia, Marcelo Rodrigues, o vice-prefeito Luciano Soares, os vereadores: Toinho, Felipe, Beto, Ernandes e Pedro Juvino, os secretários de Agricultura dos municípios de Limoeiro, Arapiraca, Boca da Mata, Maragogí e Porto Calvo.

Fonte: Cada Minuto

Anúncios

CODEVASF inicia obras em projetos de irrigação em Sergipe

A Codevasf já iniciou as obras de reabilitação dos projetos públicos de irrigação Propriá, Cotinguiba/Pindoba e Betume em Sergipe. Estão em andamento os trabalhos de reforma dos distritos de irrigação e também a reabilitação de canais. As ações, que totalizam R$ 40,8 milhões em investimentos, são executadas com recursos do Orçamento Geral da União, destinados à empresa por meio de emenda parlamentar impositiva da bancada federal de Sergipe.

O superintendente regional da Codevasf em Sergipe, César Mandarino, acompanhado do coordenador dos contratos de reabilitação, Francisco Melo, visitou nesta semana os projetos irrigados para verificar o andamento dos serviços. Em breve, devem ser iniciados outros serviços já contratados, a exemplo da instalação de sistemas de captação flutuantes e modernização de sistemas elétricos.

César Mandarino disse que a reabilitação da infraestrutura de uso comum dos projetos é um compromisso firmado pela empresa que está sendo cumprido com o início dos serviços. “Iremos acompanhar de perto a execução de todas essas obras para garantir que os trabalhos sejam executados de forma eficiente, e a Codevasf possa viabilizar as melhorias que os irrigantes merecem”, afirmou o superintendente regional.

Durante a visita, também houve reuniões com fiscais das obras e com representantes das empresas contratadas para discutir sobre os serviços já iniciados. Outras ações de reabilitação da infraestrutura dos projetos Propriá, Cotinguiba/Pindoba e Betume estão previstas, a exemplo da reabilitação da rede de drenagem, reforma de estações de bombeamento e recuperação de vias de escoamento da produção agrícola.

Peixamentos

Após visita aos projetos de irrigação, o superintendente regional César Mandarino reuniu-se com o chefe do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Betume, Paulo Passos. No encontro, foi apresentado um balanço dos peixamentos já realizados pela unidade em 2018 e discutido o planejamento para as próximas ações de repovoamento de lagoas e açudes.

Neste ano, a Codevasf já inseriu 470 mil alevinos de espécies nativas no rio São Francisco em ações de repovoamento realizadas em Sergipe. Os peixamentos ocorreram durante a celebração dos festejos de Bom Jesus dos Navegantes nos municípios de Propriá, Neópolis, Gararu, Ilha das Flores e Santana do São Francisco.

Foto assessoria

Assessoria de Comunicação e Promoção Institucional da Codevasf

Codevasf prorroga inscrições para o seminário solo e água 2018 e V workshop

7

Codevasf prorroga inscrições para o Seminário Solo e Água 2018 e V Workshop Internacional de Irrigação

As inscrições para o “III Seminário Solo e Água no Contexto de Desenvolvimento em Bacias Hidrográficas” foram prorrogadas até o dia 22 de fevereiro. O evento, que acontece de 13 a 16 de março de 2018, é promovido pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em parceria com o Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário (SINPAF).

O evento será na sede da Codevasf em Brasília, com transmissão por videoconferência para todas as Superintendências Regionais da empresa. O público-alvo são técnicos que estejam atuando na área de solo e água em desenvolvimento regional. Além de estudantes de graduação e pós-graduação, professores, empresários, consultores ambientais, gestores, representantes de organismos nacionais, internacionais, governamentais e não governamentais. Os interessados devem se inscrever no link http://www2.codevasf.gov.br/programas_acoes/seminario-solo-e-agua e enviar os pôsteres para o e-mail: sabh@codevasf.gov.br assim como acompanhar o calendário.

O seminário terá palestras, minicursos e debates nas seguintes temáticas: “Preservação, Conservação de Bacias Hidrográficas”; “Gestão do Uso Consultivo da Água, Reuso e Educação Ambiental e Bacias Hidrográficas”; e “Geoprocessamento e Sensoriamento remoto em Bacias Hidrográficas”.

Alguns palestrantes já confirmaram presença no evento, como Demetrios Christofidis, do Ministério do Meio Ambiente – Secretaria de Recursos Hídricos e Qualidade Ambiental (SRHQ); Lineu Rodrigues e Eder Martins, da Embrapa/ Cerrados; Keila Jeronimo Jimenez, da Universidade Federal Rural de Pernambuco; e professora Maria do Carmo Sobral, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e coordenadora do Projeto INNOVATE – Brasil-Alemanha-UFPE-UTB-Berlim.

No evento, serão abordadas a situação atual e mundial da irrigação e a sua relevância, como geradora de emprego e renda práticas de economia de água na irrigação, energia e insumos. Segundo o engenheiro agrônomo da Codevasf, Paulo Cerqueira, “o foco é socializar metodologias e tecnologias sustentáveis sobre os recursos naturais solo e água no contexto do desenvolvimento em bacias hidrográficas, discutira situação atual e futura mundial e no país da irrigação, discutir a importância da irrigação como geradora de emprego e renda, reuso da água e práticas de economia de água na irrigação, energia e insumos.”

O seminário conta com apoio do SINPAF, Embrapa Semi-Árido, Embrapa Cerrados, Instituto Interamericano de Ciências Agrárias (IICA), Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem (ABID) , Sindicato dos Agricultores de Cristalian, NETAFIM e UFPE.

Assessoria de Comunicação e Promoção Institucional da Codevasf

Codevasf lança seminário de Solo e Água em Bacias Hidrográficas

Gotejamento

A Codevasf organiza Seminário de Solo e Água no contexto do desenvolvimento em Bacias Hidrográficas. O evento acontece de 13 a 16 de março de 2018.

No Auditório Avelino Costa Longa, Asa Norte, em Brasília – DF.

Inscrições podem ser feitas no site 

Confira os painéis 

Painel 1 – Preservação, Conservação de Bacias hidrográficas.

                   Painel 2 – Gestão do Uso Consuntivo da Água,Reuso e Educação Ambiental em Bacias Hidrográficas.

                  Painel 3 – Economia de Água e Energia na Irrigação, Manejo da Matéria Orgânica e Tratamento de Água para Consumo Humano através de Polímeros naturais.

                     Painel 4 – Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto em Bacias Hidrográficas

Cooperação técnica entre Mapa e Codevasf visa apoiar produção irrigada

Imagem relacionada

Termo de Cooperação Técnica firmado entre o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), nesta segunda-feira (13) visa apoiar a produção em projetos públicos de agricultura irrigada.

O acordo foi assinado pelo ministro interino do Mapa, Eumar Novacki, e pelo presidente da Codevasf, Antonio Avelino Neiva. No âmbito do Mapa, a execução cabe à Secretaria de Mobilidade Social, do Produtor Rural e Cooperativismo, com foco na difusão de tecnologias sustentáveis de irrigação e drenagem entre agricultores das áreas de atuação da companhia.

Pelo prazo de cinco anos, o termo deverá assegurar o fortalecimento de organizações de produtores, visando a autossustentabilidade, assim como, práticas do associativismo e de cooperativismo.
Plano de trabalho para execução do termo de cooperação prevê infraestrutura técnico operacional e apoio a arranjos produtivos locais, incluindo ações para integração e aprendizagem.

Fonte: Grupo Cultivar