Comitê do Rio Araranguá sediará projeto piloto para outorga de água para irrigação na rizicultura

MORRO-GRANDE-2.jpg

Para garantir a qualidade e quantidade da água em Santa Catarina para os próximos anos, o Comitê da Bacia do Rio Araranguá sediará, a partir de 2017, um projeto piloto para outorga de água para irrigação na rizicultura.

A ideia foi apresentada durante o Fórum Catarinense de Comitês de Bacias Hidrográficas, realizado em Lages nesta semana. “Isso porque a irrigação na rizicultura utiliza uma grande quantidade de água, que ainda não está inserida em um procedimento que aponta como vai acontecer, quem vai pagar e como vai funcionar o processo”, afirma o presidente do Comitê Araranguá, Sérgio Marini.

A intenção é que o projeto piloto que será realizado em 2017 passe para toda Santa Catarina a partir de 2018. “Juntos podemos construir a outorga em Santa Catarina, que é basicamente uma concessão de direitos do uso da água, porque este é um bem de domínio público”, argumenta o presidente.

A consultora do Comitê e engenheira ambiental, Michele Pereira da Silva, ressalta que o produtor que for outorgado terá menor risco de ficar sem água. “Queremos ajudar para que a outorga seja bem sucedida e faça justiça a todos os usuários, incluindo os da irrigação”, finaliza.

 

Fonte: Folhinha Notícias

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s