Cultivo de uva no Planalto Central

00uva_italia

Foto: Divulgação

As longas paredes de videiras e o cheiro doce de uva nos remete à Serra Gaúcha. Mas estamos a 2.500 km de distância do Sul do país, em Planaltina, região administrativa do Distrito Federal, onde há oito anos o agricultor familiar Valdecir Grecco, descendente de italianos, cultiva a fruta.

A vantagem de cultivar uvas em áreas de clima quente está na sua produtividade. Conforme o engenheiro agrônomo e extensionista da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Governo do Distrito Federal (Emater-DF), Leandro Moraes Souza, o clima frio do Rio Grande do Sul possibilita que se tenha apenas uma safra de uvas por ano. “O Distrito Federal, por ter um clima mais quente, permite duas safras por ano”, explica.

Leandro explica que o investimento inicial no cultivo de uvas é alto. Ele alerta que é necessário investir em bons materiais, que deem a sustentabilidade necessária às parreiras, pois as frutas começam a crescer e a pesar. “Caso a estrutura não seja forte o suficiente, tudo pode vir abaixo”, salienta.

Grecco gastou R$ 100 mil para na estrutura das parreiras com pilares de concreto, arames, mudas e irrigação por gotejamento. “Consigo economizar mais água nesse tipo irrigação, além de crescer menos mato entre as parreiras e irrigar melhor”, explica o agricultor.

Na sua propriedade de 4,5 hectares, 1 é destinado ao cultivo das uvas. São 33 parreiras com 160 metros de comprimento. Por ano, são colhidas até 35 toneladas de uvas de quatro tipos: Isabel, Niágara, Moscatel Rosé e Moscatel Branca.

As caixas de uvas com de até 6kg, com valores que variam entre R$ 20 e R$ 30, dependendo do tipo, são vendidas na Ceasa-DF. Grecco também fornece para o varejo e supermercados.

O agricultor produz ainda suco de uva e vinho. Até o final deste ano, está previsto que fique pronta a fábrica de bebidas na sua propriedade. “Nos próximos dias, vou solicitar ao Ministério da Agricultura a autorização para a fabricação das bebidas com as minhas próprias uvas”, adianta.

Diversificação de produção
Grecco aposta na diversificação da produção para ter rentabilidade. Atualmente, as uvas são responsáveis por 15% da sua renda. A outra parte vem do cultivo de mudas de diversos tipos hortaliças produzidas em seis estufas. Ele também é autorizado pela Embrapa a fornecer mudas e sementes da BRS Pérola do Cerrado,  uma espécie de maracujá silvestre lançada pela Embrapa em 2015. As diversas mudas são vendidas para produtores de diversos estados, como Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e Bahia.

Pronaf
Muitos dos investimentos na propriedade de Valdecir Grecco foram financiados pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Coordenado pelo Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD), o Pronaf tem as linhas de crédito rurais mais baixas do mercado.
Com o financiamento, Grecco comprou um gerador de luz e um caminhão cabine dupla. “As prestações que venceriam em outubro e novembro já foram pagas. Adianto para ter crédito”, salienta.

Dicas para o cultivo de uvas
O solo deve ser areno-argiloso, fértil e bem drenado e a temperatura deve ficar entre 15 e 30 graus. Evite locais com ventos fortes. O ideal é que o ambiente tenha muita luz no período da florada até a maturação das uvas. Dependendo do clima e do vento, a videira precisa de 500 mil a 1.200 mililitros de chuva. A quando ganha o tamanho e o formato desejados. A colheita é realizada entre o 85º a 200º dia após o início do cultivo das videiras. Compre mudas registradas no Ministério da Agricultura.

Outras informações sobre o cultivo de uvas, veja aqui no site da Emater-DF.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s